A CPT/MS partilha sonhos e amor à terra com agricultores
(20 de setembro de 2011)

Partilhar os sonhos que os pequenos agricultores familiares têm, em vários assentamentos de Mato Grosso do Sul, após da conquista de uma das etapas fundamentais da luta pela reforma agrária, e na partilha de conhecimentos fortalecer o amor à terra e as tarefas que garantem tirar o sustento dela, vem sendo uma das atividades de importância que a Comissão Pastoral da Terra realiza hoje no Estado.
Na caminhada da CPT em MS junto aos pequenos lavradores se tem a experiência do desafio permanente de produzir alimentos levando em conta os princípios agroecológicos e ao mesmo tempo garantir a necessária qualidade de vida que os trabalhadores dos assentamentos da reforma agrária merecem.
A luta para garantir uma vida no lote conquistado é tão ou mais difícil que a permanência nos barracos, nas beiras das estradas, nos acampamentos. Depoimentos de pessoas que hoje estão nos assentamentos revelam ensinamentos e desafios. Exemplos: Os grupos “Alambari”, “Andrade” e “Altemir Tortelli”, do assentamento Eldorado/Sidrolândia, trocaram conhecimentos, mediante as oficinas sobre a Organização da Propriedade; e nelas os anseios dos agricultores familiares foram valorizadas: “Meu sonho e de minha família e conseguir permanecer na terra e sobreviver da terra, e não termos que sair para conseguir levar uma vida digna”; “meu sonho é trabalhar e viver dignamente na minha terra”. “Quando a gente está no acampamento é muito bonito o que se ouve e aprende, mas agora sabemos que permanecer no lote não é possível se não há administração e troca de conhecimentos”; “a CPT fala a linguagem da gente”; “com estas oficinas eu me sinto como se estivesse entrado na escola pela primeira vez, é maravilhoso o que escuto nestes cursos”. As falas também deixaram frases como: “agora sei que não estava cuidando devidamente de minha terra, que ela tem vida e me fala”.
Outras atividades estão sendo feitas nos assentamentos Teijim; Itamarati; São Joaquim; Areias; e no município de Anastácio.


    Outras notícias
  » 3ª feira do Cerrado
  » Manifestação da CNBB
  » Primeiro encontro da Rede de Economia Solidária
  » Incubadoras da UEMS e UFGD oferecem curso de Economia Solidária
  » VI Conferência Internacional de Pesquisas e Estudos sobre Economia Social e Solidária
  » Encontro de Planejamento e Novas Perspectivas para a Rede Brasileira de Bancos Comunitários O Banco Comunitário Digital e a Plataforma E-dinheiro
  » Rede Brasileira de Bancos Comunitários compra plataforma E-dinheiro
  » Inauguração da Central de Comercialização da Rede de Economia Solidária
  » Central de Comercialização da Rede de Economia Solidária da Cidade de Dourados
  » Audiência pública reúne mais de 300 representantes da economia solidária
  » Audiência Pública pelo avanço da Política Nacional de Economia Solidária
  » III Seminário Nacional dos Fundos Solidários
  » Texto Referencial - Preparação para o 3º Seminário Nacional de Fundos Solidários
  » Moeda Social Pira pire já encontra cadastrado na Moeda Eletrônica
  » Romaria do cerrado
  » Banco da Cascata e Banco Justa Troca em Porto Alegre
  » Campanha de Coleta de Assinaturas #Contra o Golpe #Fica Dilma #Avança Senaes
  » Reunião com Tecnica da Cáritas Brasileira
  » Curriculo
  » ONG Mulheres em Movimento tem Nova Coordenação

1 - 2 - 3 - 4 - 5 - 6 - 7 - 8 - 9 - 10 - 11 - 12 - 13 - Próxima
Banco Pire 2020 - Rua Ramão Osório, N° 10 - Vila São Braz - Dourados - MS - CEP: 79843-250
Fone: (67) 3020-2504 / (67) 99657-2504 - E-mail: ammbancopire01@gmail.com